Posted on 16:05 No comments
Proposta InconvenienteApaixonada pelo capitão Connor Drake, Payton sonha em ser capitã de seu próprio navio. Ela cresceu desejando essa profissão exclusivamente masculina, mas agora deve abdicar disso tudon para conseguir um bom marido. O problema é que Connor só percebe seus sentimentos por Payton na véspera de seu casamento com outra. Quando o barco dos noivos parte rumo às Bahamas, ele é atacado e resta a Payton se infiltrar num navio pirata para salvar a vida do seu amado. A coragem une os dois, e o resgate pode gerar mais frutos do que ela imaginou.


Em Proposta inconveniente nó conhecemos Payton, que foi criada praticamente em alto mar, pelo pai e irmãos mais velhos. Ela nunca teve muito contato com o mundo feminino, de fitas e anáguas, e por isso, sempre foi muito diferente das outras moças solteiras. Principalmente, muito diferente da srta. Whitby, noiva de Connor Drake, capitão de um dos barcos de seu pai, além de melhor amigo de seus irmãos. Paixão antiga de Payton também. 
A sinopse já revela que Payton não é uma mocinha de romance histórico comum. Na verdade, comum é uma palavra que não se aplica à ela. Até seu irmão mais velho, Ross, casar com Georgianne, ela não tinha nenhuma influencia feminina na sua vida. Ela pragueja, usa calças, e quer um navio no seu aniversário de 19 anos. Ela é totalmente a frente da época, acreditando no feminismo, na sua capacidade de exercer função de marinheira, sendo simplesmente brilhante e irônica como toda protagonista, independente do gênero, deveria ser. Mas, né, é ainda melhor se tratando da Londres de 1830.
Nesse livro Meg Cabot (usando o pseudônimo Patricia Cabot) nos traz um livro com o humor mais afiado que nunca. A protagonista é tão ousada e sarcástica quanto suas personagens de young adults contemporâneos, e os irmãos de Payton tem os diálogos mais incríveis e realisticamente engraçados. Quando Drake está junto, então, nem se fala. Os cinco (seis quando Georgianne está junto) trocam farpas, piadas internas e falam ao mesmo tempo até que todos fiquem confusos, menos o leitor.
Existem muitas coisas que fazem de Proposta inconveniente um livro pra lá de sensacional. Ele é diferente, em meio a tantos clichês que cercam o gênero, ele se destaca sendo extremamente divertido e bem escrito. O romance é maravilhoso e muito bem conduzido, se diferenciando pelo fato de Payton já começar a história apaixonada, e não o comum de só ter sentimentos depois. E, bem além, de lindo e bem humorados, te piratas, o que foi uma novidade para mim.






0 comentários:

Postar um comentário