Posted on 11:25 4 comments


O escritor colombiano Gabriel García Máquez morreu ontem (17/04), aos 87 anos, na Cidade do México, onde morava. Nascido em Arataca, na Colômbia, o escritor ganhou fama pelos romances "Cem Anos de Solidão" (1967) e "Crônica de Uma Morte Anunciada" (1981). Márquez ganhou o Nobel de Literatura em 1982.
Considerado o escritor de língua espanhola mais popular desde Miguel de Cervantes (autor de Dom Quixote), García Márquez alcançou celebridade literária que gerou comparações com clássicos das letras universais como Mark Twain e Charles Dickens. Suas obras ficcionais extravagantes e melancólicas (entre elas "Crônica de uma Morte Anunciada", "O Amor nos Tempos do Cólera" e "Outono do Patriarca") superaram em vendas qualquer outra publicação em língua espanhola, com exceção da Bíblia.

1969 - Gabriel García Márquez e sua mulher, Mercedes Bacha García, em Barcelona. Os dois se casaram em 1958 e tiveram dois filhos, Ricardo e Gonzalo



1980 - Gabriel García Márquez posa com Fidel Castro. O escritor e o líder cubano estabeleceram uma grande amizade











Categories: , ,

4 comentários:

  1. Fiquei bem chateada com a morte dele, porque o mundo perde mais um dos bons artistas. Ele já não escrevia mais nada e estava bem doente... fico feliz por ter lido livros maravilhosos desse escritor e ainda ter tantos livros dele pela frente para ler...
    É o que se diz: o único jeito de não morrer, é escrever e deixar um pedaço de si para o futuro.

    Beijos,
    Nereida
    agua-marinha.net

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tive a oportunidade (ainda!) de ler nenhum livro dele, mas pelo pouco que conheço de suas obras (através de outras pessoas), ele era um grande escritor que infelizmente se foi!! Mas felizmente nos deixou obras-primas!

      Beijos

      Excluir
  2. Nossa fiquei muito triste quando soube da morte dele.
    O mundo perdeu um grande escritor!

    beijos
    http://livroaestantedavida.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo plenamente!! Infelizmente um grande autor que se vai!!

      Beijos

      Excluir