Posted on 16:32 8 comments
Leaving Paradise
Nada tem sido o mesmo desde que Caleb Becker deixou uma festa bêbado, pegou o carro e atropelou Maggie Armstrong. Mesmo depois de meses de fisioterapia, Maggie continua manca. Sua vida social não existe e uma bolsa de estudos internacional—sua chance de fugir de todo mundo e seus olhares de pena—foi cancelada. Depois de um ano na prisão, Caleb está livre… Mas liberdade significa constante vigilância de um tutor e os olhares curiosos da cidade toda. Voltar pra casa deveria ser bom, mas sua família e sua ex-namorada agora lhe parecem estranhos. Caleb e Maggie são diferentes, classificados como “criminoso” e “estranha”. Então a verdade sobre o que realmente aconteceu na noite do acidente surge, e, mais uma vez, tudo muda. A jornada de Caleb e Maggie é sombria e tortuosa, ainda que eles acabem encontrando conforto e força em uma fonte surpreendente: um ao outro.

Devo deixar claro antes de começar a resenha que esse livro virou um dos meus preferidos... eu realmente gosto da ideia de que a personagem principal seja "fora dos padrões" da maioria dos livros, a Maggie por causa do acidente manca e isso é algo que ela vai levar a vida toda e eu gosto de que a autora deixou claro que ela pode ter uma vida plenamente feliz, mesmo que ela não ache isso. Foi legal ver que o maior problema da personagem não seja o cara que ela gosta ou algum defeito dela  ou o fato de ela não ser a mais bonita do colégio, são problemas reais que pessoas que passaram por essa situação sentem, como os amigos vão reagir, como lidar com algum tipo de limitação e qual serão as consequências disso na vida dela e na das pessoas em volta dela. Precisamos de mais personagens assim, que possam identificar também uma outra parte da população e de certa forma até aqueles que não tem nenhum tipo de limitação.
O livro começa com Caleb Becker na prisão, lugar em que ele passou o último ano por ter atropelado Maggie Armstrong após ter saído de uma festa bêbado. Durante esse um ano em que ele ficou preso, Maggie passou por várias cirurgias e terapias, mas sua perna nunca mais foi a mesma... Caleb sai da prisão com o objetivo de voltar para a sua vida normal, mas quando volta para casa percebe que as coisas mudaram e muito. Todos estão meio hesitantes de se aproximar dele.


 Maggie ficou um ano estudando em casa e volta para a escola no mesmo dia que Caleb, mas não é só para Caleb que as coisas estão difíceis: já que Maggie manca, todos olham para ela ou com cara de pena ou de desprezo, ela perdeu todas as suas amigas com quem costumava jogar tênis antes do acidente; por causa disso, Maggie não vê a hora de ir para a Espanha e sair o mais rápido de Paradise e deixar o passado para trás.
Os dois juraram que nunca mais se falariam, mas Caleb e Maggie se encontraram várias vezes por acaso e os dois terminam tendo que trabalhar no mesmo lugar e contra todas as chances, os dois se aproximam.. afinal, ninguém passou pelo o que eles estão passando, ninguém realmente entende como o acidente afetou os dois. E quanto mais tempo eles passam juntos, mas difícil fica se distanciar ou explicar o sentimento entre os dois...

O livro é narrado tanto pela Maggie quanto pelo Caleb e a cada capitulo você vai percebendo quem é cada um, seus defeitos, medos, diferenças e semelhanças.O Caleb é um personagem que você realmente se encanta, ele é determinado e sempre tenta proteger as pessoas que ama. A Maggie do começo do livro e a do final são bem diferentes, no começo, ela é insegura e medrosa, e no final, ela se torna forte e segura de si. O leitor vai se tornando forte e seguro junto com ela, a cada situação que ela vive.
O livro já tem continuação (Return to Paradise) e vale a pena lê-lo. O final de Leaving Paradise é surpreendente e não é nenhum pouco o que você imagina, mas faz com que você queira saber mais e querer ter o segundo livro da história do lado.
Espero que vocês gostem do livro tanto quanto eu e se alguém tiver uma dica de algum livro onde o personagem ou a personagem principal tenha algum tipo de limitação por favor me indiquem.






8 comentários:

  1. Amei a história desse livro Letícia. Também gosto de personagens que saem do estereotipo de "normal". Amei a resenha e o livro já entrou na minha fila de desejados.

    Bjim!!!

    Tammy - Livreando

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tammy! Fico feliz que tenha instigado você a ler esse livro. Eu amei ele e também gosto de livros onde o personagem sai desse estereotipo "normal".

      Beijos"

      Excluir
  2. Oi! Passando pra te dizer que te indiquei para o Desafio de visitar uma biblioteca!

    Abraço!

    http://caixinhadadea.blogspot.com.br/2014/04/desafio-visite-uma-biblioteca.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! Obrigada!! Assim que possível nós iremos responder a esse Desafio!!

      Beijo

      Excluir
  3. Concordo plenamente com vc sobre as personagens com deficiencias que podem ser felizes, muito boa a sua resenha!


    te espero no http://www.whoisllara.com/

    xoxo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lara!! Eu gostei muito do fato de que ela continua com a "deficiência" o que é algo que acontece muito na vida real, e geralmente nos livros eles sempre melhoram e tal e nem sempre isso acontece. O livro é muito bom!!
      Obrigada!!

      Excluir
  4. Um livro desse género é "Como eu era antes de você". Não li mas quero muito ler e vi muito boas críticas.
    www.fofocas-literarias.blogspot.pt

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jessie! Eu já li esse livro e amo demais, é um dos meus preferidos!! A história é linda, muito emocionante!!

      Excluir