Posted on 10:22 No comments

Um chamado do amigo Grover deixa Percy a postos para mais uma missão: dois novos meios-sangues foram encontrados, e sua ascendência ainda é desconhecida. Como sempre, Percy sabe que precisará contar com o poder de seus aliados heróis, com sua leal espada Contracorrente... e com uma caroninha da mãe. O que eles ainda não sabem é que os jovens descobertos não são os únicos em perigo: Cronos, o Senhor dos Titãs, arquitetou um de seus planos mais traiçoeiros, e nossos heróis serão presas fáceis. Um monstro ancestral foi despertado – um ser com poder suficiente para destruir o Olimpo –, e Ártemis, a única deusa capaz de encontrá-lo, desapareceu. Percy e seus amigos têm apenas uma semana para resgatar a deusa sequestrada e solucionar o mistério que ronda o monstro que ela caçava.
Percy Jackson não consegue ter um ano normal em sua vida e, em A Maldição do Titã, isso não é diferente. A história começa com nossos heróis indo a um internato a pedido de Grover para resgatar um casal de irmãos meios-sangues. É claro que as coisas dão errado e Percy é obrigado a tomar uma série de decisões sozinho, o que acaba colocando-o em uma situação delicada diante de seus amigos. Porém, quando achavam que as coisas não podiam piorar, descobrem que Cronos está começando a agir. Há o despertar de um monstro que pode destruir o Olimpo. Eles, então, precisam novamente correr contra o tempo para salvar a única deusa capaz de ajudá-los a encontrar tal monstro... E para salvar o mundo, também.
Neste livro a maldição que Percy carrega, é aos poucos revelada, e a sua curiosidade mais a sua insolência o levam a descobrir trechos daquilo que o espera. O ritmo continua frenético, com um enredo muito bem amarrado, cheio de surpresas, reviravoltas, muita ação, e, uma pitada de romance, Percy começa a perceber que está fortemente ligado a Annabeth, e devo confessar que a ausência dela em boa parte do livro, faz o enredo perder muito em criatividade e desenvoltura. Thalia, Bianca, Zoë, Nico, conseguem suprir um pouco a falta da filha de Atena, e o modo em que eles são inseridos na história alavanca bastante a ação e as surpresas do livro.

A Maldição do Titã é um dos livros mais completos da série. Ele remete a vários mitos, talvez mais do que os outros livros tenham feito, trazendo todos sempre com exímia perfeição para o mundo moderno. E finalmente começa a revelar o mistério por detrás da história, os planos de Cronos e o desenrolar da profecia. Cada vez mais você vai se perguntando quem será responsável pela destruição do Olímpo, ou quem trará a sua destruição. E, novamente, o livro termina com chave de ouro! Não tão impactante quanto o final de “O Mar de Monstro”, mas definitivamente instigante para a leitura do próximo. Diferentemente de muitas séries, que vão perdendo a qualidade conforme vai se estendendo em livros e mais livros, a série de Rick Riordan, com toda a certeza, mantém a sua qualidade até o fim.






0 comentários:

Postar um comentário